Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘Monteiro Lobato’

Nada de imitar seja lá quem for. … Temos de ser nós mesmos … Ser núcleo de cometa, não cauda. Puxar fila, não seguir.

– Monteiro Lobato – Carta a Godofredo Rangel, SP, 15/11/1904

 

Assim como o menino José Bento Renato Monteiro Lobato eu também fui alfabetizada por minha mae, que nao é Olìmpia Augusta mas é Conceiçao Augusta – mais conhecida como Dona Conceiçona.  

cartilha_DAVIMinha mae, formada em pedagogia e administraçao ensinava a quem quisesse ler. Ensinou a mim e as minhas irmas, bem antes de entrarmos na escola, entre jogos e brincadeiras, gibis e lapis de cor, papeizinhos com letrinhas desenhadas a mao e uma cartilha de alfabetizaçao:  Davi, meu amiguinho.

Entao, aos 3 anos de idade eu jà sabia ler e escrever… e nao parei mais.

Li sempre muito e tudo. O tempo inteiro. Graças ao grande incentivo de minha mae, que me permitia ler historias em quadrinhos do seu grande acervo e coleçao pessoal que contem obras unicas como a revistinha numero UM de Monica e Cebolinha, de LuLuzinha, de Flash Gordon, de Mortadelo e Salaminho, além de obras completas de Mafalda, Calvin, Moebus… Me lembro que ela acreditava que uma criança, ao contrario do que se dizia, poderia adquirir ainda maior gosto pela leitura através dos gibis e nunca nos impediu de ler, fosse o que fosse. E de fato eu lia e continuo a ler de tudo um pouco, dos classicos aos cartoons de jornal. Desde que eu leia.

negrinhaMeu primeiro contato com o Senhor Monteiro Lobato foi através do Jeca Tatu, e até hoje, ao contrario dos mais amados e conhecidos personagens do Sitio, o matuto simplorio e inteligente é o meu preferido. Talvez porque o Jeca fosse o alter-ego do proprio autor, sei là. 

Da sua literatura mais adulta depois de Idéias de Jeca Tatu e Urupes – sempre em torno ao Jeca – as maiores emoçoes eu vivi ao ler Negrinha. Com seus contos de uma narrativa urbana incrivel, com dramas, romances e tragedias, tao fortes e cheios de verdades um outro Lobato se faz conhecer. Mais atormentado, mais carnal, um humor irreverente sempre presente. Eu recomendo.

Uma pequena curiosidade que me aproxima do mestre Lobato. Que ele foi escritor, enxadrista, industrial do petròleo, pintor, pai da Emilia – boneca mais ilustre do Brasil, quase todo mundo sabe, mas o que poucos sabem é que uma de suas maiores paixoes foi a fotografia. Poisé e dizem que era dos bons. Registrava instantaneos da família com uma camera Kodak que ganhou de presente. Depois, com uma Rolleyflex a tiracolo, passava horas seguidas capturando trechos de paisagens e momentos do quotidiano.  Assim como eu, Lobato gostava de se expressar e de registrar os flagrantes da emoçao e da vida e por isso nao desgrudava da sua màquina. 🙂

Parece estranho falar nisso justo aqui, no meio do tema sobre os livros, mas é que eu realmente acredito que nada é por acaso e que de verdade a mensagem que quero passar é essa: a expressao da vida começa na leitura e termina sabe-se là onde, no infinito do universo.

 

 

lobato1Esse post faz parte da blogagem coletiva Quem Foi Seu Monteiro Lobato? Criado pelo blog da Vanessa – Fio de Ariadne. Se voce quiser conhecer mais pessoas que participaram e mais historias interessantes clique no selo e viaje nesse mundo maravilhoso da leitura.

E viva o Dia Nacional do Livro Infantil! 

E viva MONTEIRO LOBATO!!

VIVA!!

Anúncios

Read Full Post »

lobato

O Blog Fio de Ariadne, da Vanessa lançou a blogagem coletiva “Quem foi seu Monteiro Lobato?” e convoca todos a participarem.

Dessa vez a editora JORGE ZAHAR EDITOR, propos ao Fio de Ariadne uma coletiva em comemoraçao ao Dia Nacional do Livro comemorado em 18 de abril e ela aceitou criando uma coletiva especial! A editora presentearà os autores dos tres melhores textos com lançamentos de seu catalogo, que serao entregues no endereço do premiado. Assim, além de escrever sobre suas lembranças na literatura, o participante concorrerà a um dos livros abaixo:

Arte-bamboles02.indd Barbies, bambolês e bolas de bilhar
67 deliciosos comentários sobre a fascinante química do dia-a-dia
Joe Schwarcz

 

livro-2-seis-graus Seis graus
O aquecimento global e o que você pode fazer para evitar uma catástrofe
Mark Lynas

 

livro-3-einstein-cozinheiro O que Einstein disse a seu cozinheiro
A ciência na cozinha
Robert L. Wolke

 

 

Como participar?

Inscreva seu blog deixando um comentário no post da coletiva là do blog da Vanessa (pode CLICAR AQUI), leve o selo do evento para o seu blog e publique, dia 18 de abril, um texto que conte como foi seu primeiro contato com o mundo das letras. Quem foi seu Monteiro Lobato? Quem incentivou voce a ler?

Atençao, sò concorrerao aos livros os textos publicados no dia 18 de abril.

Eu to nessa.. e voce?

Read Full Post »